09dez
2015
0

Conheça os principais momentos que marcaram a história dos brinquedos

O Natal vem vindo, vem vindo o Natal. Época de presentear quem amamos e voltar a infância escolhendo brinquedos para as crianças.

Para quem tem pequenos acima dos três anos de idade, a lista já é preparada por eles. Mas, para quem tem bebê, a tarefa de escolher o brinquedo ideal fica por conta de pesquisas e das preferências dos pais.

Ao chegar a uma loja de brinquedos, ou até mesmo, acessar uma loja virtual, não é difícil ficar horas e horas tentando escolher um produto. Porque são tantas opções de tamanhos, formatos, tecnologias e valores, que logo surge à pergunta: qual escolher?

No entanto, você sabe como surgiram esses itens que são imprescindíveis para o desenvolvimento e diversão e, que marcaram e ainda marcam a infância das crianças? Embarque com a gente nessa emocionante história dos brinquedos mais conhecidos no Brasil.

Estima-se que os primeiros brinquedos surgiram entre os anos 4.500 e 3.000 a.C. Segundo Cristina Von, autora do livro “A História do Brinquedo”, a boneca também surgiu nesse período na civilização babilônica. Nos túmulos de crianças no Antigo Egito, diversos objetos desse modelo foram encontrados, incluindo algumas sofisticadas, com cabelo e articulações, mas não havia a aparência de brinquedos. A produção em massa iniciou-se no século XV, na Alemanha.

Carrinhos e miniaturas de veículos também faziam parte das opções de brincadeiras das crianças desde a antiguidade. A produção em massa começou nos primeiros anos do século XX, e os objetos se popularizaram entre os meninos.

Mas, não são só essas duas opções que proporcionaram e ainda proporcionam a diversão das crianças. Você lembra-se do Banco Imobiliário, da Peteca, do Autorama, da Susi, da Pipa e do Videogame?

Com certeza alguns brinquedos citados acima ainda são desejos das crianças nos dias atuais, mas outros,  marcaram infâncias e continuam presentes apenas no contexto histórico  sobre brinquedos que você pode conferir a seguir.

Banco Imobiliário

Criado em 1935, Banco Imobiliário tornou-se um campeão de popularidade. O jogo permite que um cidadão comum vire um magnata. De acordo com O Globo o jogo foi criado por Charles Darrow, que perdera o emprego de vendedor de sistemas de aquecimento justamente por causa da crise. Ele se baseou em outro jogo, o The Landlord’s Game (O Jogo do Senhorio), que fazia uma crítica ao capitalismo ao mostrar que monopólios são fontes de desigualdade e pobreza. Inverteu a lógica e criou um tabuleiro no qual o cidadão comum pode virar um magnata de mentirinha.

Peteca
100%  brasileira, a peteca chegou com os portugueses que desembarcaram no litoral brasileiro, no século 16, e com eles trouxeram uma trouxinha de pedras embrulhadas com folhas com que os índios brincavam e chamavam de peteka – bater com a mão em tupi.

Autorama
Lançado na década de 60, o Autorama pode ter sido inspirado na  época da popularização do esporte automobilístico no Brasil. Não foi por mera coincidência que  os pilotos como José Carlos Pacce, Emerson Fittipaldi, Ayrton Senna e Nelson Piquet, ganharam versões do brinquedo.

Susi
Mamães, lembram dela? A boneca Susi foi lançada em 1966, pela Estrela. Era a nossa Barbie brasileira. Em 1985 foi retirada de linha, mas voltou dois anos depois e permanece até hoje, mas não com a mesma força.

Pipa
Em alguns lugares também conhecida como papagaio ou arraia, a pipa surgiu na China antiga, por volta de 1.200 a.C. e, era utilizada como objeto de sinalização militar. E hoje em dia é uma ótima opção de brinquedo que une toda a família para diversão.

Vídeogame
Inicialmente conhecido como videojogo, o videogame foi criado em 1949 pelo engenheiro americano chamado Ralph Baer. Ele queria construir algo inovador, e pensou utilizar uma TV para ser usada para jogos.  Mas, foi apenas em 1968 que foi lançado o Odyssey 100, o primeiro console – um aparelho que, ligado à televisão, permitia ver os jogos – da história.

Na loja de aluguel de brinquedos infantis, Brinquedo Amigo, você encontra uma grande variedade de brinquedos infantis para alegrar meninos e meninas, como os da Fisher Price,  desenvolvidos para garantir proteção e aprendizado da garotada.

Conheça: www.brinquedoamigo.com.br

 

Olá, sou a Fabiana! Além de jornalista, curiosa e comunicativa, sou mãe de uma princesinha, por isso quero compartilhar cada etapa dessa linda experiência com você.

Sem Comentários

Resposta